Turismo em Debate | Wi-Fi grátis X Mídia espontânea


Em tempos que o Tablet já faz parte da rotina diária de muitas escolas, e a forte disseminação de smartphones, facilita a comunicação e compartilhamento de informações em tempo real nas redes sociais, me pergunto: Por que empresas privadas e locais públicos não disponibilizam wi-fi gratuito? As vantagens são muitas e o retorno é factível.
A importância do Wi-Fi grátis em locais públicos e privados foi destaque no twitter. Através da hastag #turismoemdebate, blogueiros e profissionais de turismo, como também viajantes, debateram amplamente o assunto. O grande idealizador da ação foi Maurício Oliveira, do Trilhas e Aventuras como parte da ação Blogagem Coletiva Social: Turismo em Debate que acontecerá mensalmente ao longo deste ano, com temas de utilidade pública porém ligados ao turismo.
Antigamente era impossível ter internet grátis nos hotéis. O preço cobrado era absurdamente caro e assustador, não que tenha mudado, a história continua quase a mesma, mas algumas hospedagens já disponibilizam,  principalmente os Hostels (Albergues da juventude) e estes saem na frente. Digo isto, pois ninguém mais quer pagar por algo, que é quase uma necessidade básica.
Quando se está viajando, é constante a busca por restaurantes, mapas de metrô, mapas das estradas, agências de passeios, telefones, como também  a vontade e compartilhar em tempo real os momentos de alegria ou até de desespero que você está passando.
Com o advento de redes sociais como instagram e twipic (compartilhamento de fotos), foursquare (check in nos estabelecimentos) muitas empresas estão deixando de ganhar, perdendo  mídia espontânea por não ofertar Wi-Fi gratuitamente. Segundo Clarissa Comim, Viagem e Viagens, oferecer wi-fi free é ter marketing virtual em tempo real: propaganda positiva.
Aqui em Fortaleza, a churrascaria Boi preto ofertava uma caipirinha a cada cliente que realizasse check-in através do Foursquare, e segundo Maurício Oliveira, a rede hotéis Formula 1, presente em São Paulo e Rio de Janeiro, chegou a trocar por café da manhã.
No exterior já é mais comum a oferta de wi-fi gratuito. A Natália Gastão, do Ziga da Zuca, está de férias pela Argentina e Chile e relatou que não teve dificuldade para encontrar, como também achou de excelente qualidade, ou seja, não basta ser de graça tem que funcionar também.
Muitos concordaram que se torna critério de desempate na escolha de um hotel, frente aos quesitos preços, conforto e localização. E não basta ter somente no lobby, ou no restaurante (um saco), tem que haver no conforto dos quartos também. É essencial. Ricardo Freire, em 2009 já levantava a bandeira “Hotéis não deveriam cobrar pelo wi-fi : é como cobrarpela luz”. Estamos em 2012 e a discussão continua… 

Por que os grandes resorts e hotéis cobram uma fortuna, se uma pousada em local de difícil acesso, como a Pousada Peixe-Galo em Galinhos-RN disponibiliza gratuitamente até nos quartos? Merece uma reflexão…

Pousada Peixe- Galo em Galinhos  ( Foto: Erika Marques)
UTILITÁRIOS

Alguns sites disponibilizam a consulta de locais e estabelecimentos que possuem WI-FI gratuito como o Wi-Fi Livre, que busca pontos de acesso gratuitos por tipo de estabelecimento e localização (e tem avaliações dos usuários) e o Mapa Wi-Fi, que usa o Google Maps para marcar os pontos com conexão. A desvantagem é que precisa cadastrar ou indicar o local para ele constar na pesquisa, ou seja, muitos locais ficam de fora. Utilizei a cidade de Fortaleza na busca e encontrei apenas a rede do Macdonalds cadastrada e o passeio público, parque público localizado no centro da cidade.
Quer aprofundar a leitura ? Acompanhe no twitter a hastag #TurismoemDebate e confira a opinião de outros blogueiros  sobre o assunto:

Deixe seu Comentário
  • Mauricio Oliveira

    Mto legal o texto! Parabens!
    Adorei os 2 links dos Utilitários. Não conhecia ainda.

  • Outros Ares

    Oba, que bom que gostou! Fiz uma pequena pesquisa para enriquecer o texto :)

    Fortaleza tem pouca coisa cadastrada, mas o Rio de Janeiro e São Paulo possui muitos já :)

  • Jodrian Freitas

    Uma frase que você colocou ilustra bem as expectativas dos usuários: "ninguém mais quer pagar por algo, que é quase uma necessidade básica"
    Muito Bom
    Abraço

  • Romulo Viana

    Vc sabia que na cidade de Sobral ( United estates of Sobrow !!) existe sinal de WIFI gratis em toda cidade e de boa qualidade!!! Parabens pelo post e pelo blog!

  • Outros Ares

    Rômulo como eu pude esquecer da sempre inovadora Sobral? Cidade localizada no sertão cearense, que sempre parte na frente.

  • Daniel Wagner

    Amigos,
    Parabéns pelo blog. Há quase 5 anos atrás escrevi a respeito da Internet ser Gratuita em hotéis, no Blog do Hotel Planalto Ponta Grossa – http://hotelplanalto.blogspot.com/2007/10/internet-grtis-nos-hotis.html

    Como menciono no artigo, "eu não acredito em internet cobrada"!

    Abraço,

    Daniel Wagner .`. Gerente Geral
    Hotel Planalto Ponta Grossa (PR)
    http://www.hotelplanalto.com.br