O dia em que a morte me fez uma rápida visita


 O litoral alagoano é lindo até debaixo de chuva! No início de junho viajei à Maceió para um congresso, mesmo sabendo que não seria a melhor época, por conta das chuvas, cruzei os dedos na tentativa de conhecer mais um pouquinho Alagoas. Dos cincos dias, o sol deu o ar da graça em dois, e em um deles (justamente o dia livre, olha a figa como foi forte) fomos conhecer as piscinas naturais de Paripueira, situado no litoral norte há 30 km de Maceió.
Piscinas naturais de Paripueiras-Alagoas
Nosso ponto de apoio foi o restaurante Mar & Cia, bem estruturado e bacana. Tem lojinhas de conveniências, artesanato, dicas de biologia marinha e até apresentação folclórica.

Restaurante Mar & Cia – Praia de Paripueiras
Os catamarãs ancoram há 2,5 km da costa, e custa r$ 30,00 por pessoa. Verifique antes a tábua da maré, o passeio depende deste fator. Não pegamos uma maré muito boa, 0.5, e o tempo estava um pouquinho nublado, mesmo assim foi divertido o passeio. Vimos várias espécies de peixe, a mesma variedade presentes em Maragogi, embora bem mais tranqüilo o passeio aqui do que lá.

 

Piscinas naturais de Paripueiras – Alagoas

 

Dica: Leve seu snorkel, utilizamos os do barco e passamos um grande sufoco, pois não estavam funcionando corretamente, sem vedação! O problema que só notei, quando me aventurei em atravessar uma barreira de corais. Entrei em apuros e estava contra a maré. Vi a morte de pertinho, ou engolia água, ou me rasgava nos corais. Graças a Deus consegui manter a calma e reverter a situação.  Nunca mais invento uma coisa dessas, com o mar não se brinca, e ele te pega de surpresa!
Demorei uns dois dias para voltar o normal, a respiração e os batimentos cardíacos ficaram alterados, eu havia aspirado muita água. Quase não conseguia saborear as delícias do restaurante. Pedimos um prato de camarão empanado com queijo coalho, uma delícia. Nunca tinha visto o camarão preparado desta forma.
Camarão empanado com queijo coalho – restaurante mar &  cia
Peixe ao Molho de camarão
Depois desta fartura, nada melhor que relaxar neste lounge e esperar o tempo passar vagarosamente!
Serviço
Restaurante Mar & Cia
Rua Projetada, 23, Costa Brava, Paripueira/AL Contato: 82 3293-2031. Site: http://www.piscinasnaturais.com.br

Siga o Outros Ares no Twitter@blogoutrosares
Siga Érika Marques no Twitter: @erikamarquesce
Curta nossa Fan Page no Facebook: www.facebook.com/outrosares
Deixe seu Comentário
  • Paula

    uma informação importante é que esses lugares fecham por volta das 16:30 ou 17 horas.. assim se quiser aproveitar é preciso chegar cedo..muitos motoristas oferecem passeios a duas ou tres praias no mesmo dia mas quando chegamos….. estão fechando…. é preciso prestar atenção para não ser enganado!!!
    visitei esse restaurante, achei lindo, aconchegante e preços legais tbm.. mas nao ficamos..fomos pra maragoggi…estava bommmmmmm

    adorei o post!

    dicasrosa.blogspot.com.br

  • 1001roteirinhos

    Que delícia de lugar para se ter um susto desses, hein? Ainda bem que deu tudo certo! Ah, e que pratos! Impossível não dar água na boca!

    Beijos,
    Eliane

  • marcioraimundo

    Caramba, que sufoco hein? Faz um tempão que eu fui nessas piscinas naturais, na época nem usamos snorkel.
    Acho que vou voltar lá :D
    Só uma correção: a cidade é Paripueira, sem S.
    Beijo!

  • Érika Marques

    Sufocão Márcio, quase que sua amiga ia…rsrsrs Imagino que quando a maré está a níveis 0.0 a 0.2 nem dê para atravessar. Depois eu lembrei, a Costa dos Corais – barreira de corais que inicia em Paripueira e vai até a praia de carneiros em pernambuco é uma das maiores do mundo. Como a doida inventa de atravessar? rsrsrs

    Fui na onda de outra turista, e os biólogos estavam do outro lado também, pensei que fosse fácil.

    Ah, obrigada por me corrigir!! Beijocas

  • Karla

    Caraca, fiquei sem fõlego só de ler.
    Que nervoso!!!!
    Ainda bem que tudo acabou bem…

    Bjs,
    Karla

  • Gleiber Rodrigues

    Me deu um nervoso quando fomos lá, porque milhões de jangadeiros atacaram nosso carro tentando vender o passeio quando a gente queria só um lugar para parar e dar uma relaxada. Fico tão bravo quando fazem isso que dei meia volta e fui para São Miguel dos Milagres onde não tinha uma alma viva para me abordar, hehehehe. Eu queria era isso aí que vc conseguiu, ficar num restaurante de boa, sombra e água fresca, e me lançar ao mar só quando desse calor…

  • Paula Brum

    Érika, que post legal, amei… Não me preparei para minha viagem a Alagoas, fui meio no susto, sem roteiro e, por conta disso, acabei deixando essa maravilha de fora. Como no primeiro dia fui a Praia do Francês e não gostei muito, no dia seguinte (quando o pessoal faria esse passeio) optamos por vasculhar Maceió. Posteriormente, ao fazer outro passeio e da estrada avistar Paripueira, o arrependimento foi forte. Pretendo retornar ao Estado e esse destino já está devidamente anotado. Conhece Barra de Jequiá (complexo turistico Dunas de Marapé)? Te convido a dar uma olhadinha no meu post, pois foi o lugar que mais amei em Alagoas (mochilinhagaucha.blogspot.com.br). Abraços e parabéns!!!

  • Érika Marques

    Oiee Paula,

    Ano passado durante uma viagem de carro pelo Nordeste, conhecemos uma família no passeio pelos Canyons do Xingó, que estavam passando uma semana em Maceió, e o passeio mais bonito que tinham achado era o Complexo das Dunas de Marapé…. Nunca tinha ouvido falar, aquilo ficou na memória.. mas infelizmente não deu tempo nesta primeira viagem à Maceió..

    Vou dá um pulinho no seu blog, e matar a curiosidade!

    Beijos e obrigada pela visita!

  • Paula

    Paula… conheci Dunas… realmente um lugar ímpar!
    dicasrosa.blogspot.com.br